Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias - PE > Campus Santa Inês ganha Centro de Estudos da Linguagem (CEPELI)
Início do conteúdo da página Notícias

Campus Santa Inês ganha Centro de Estudos da Linguagem (CEPELI)

A criação do CEPELI do Campus Santa Inês foi marcada por uma série de atividades com a Diretoria de Relações Internacionais (DIRI).
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 07/10/2022 08h55
  • última modificação 07/10/2022 08h55

Em mais um passo rumo à ampliação das possibilidades de internacionalização, o IFMA Campus Santa Inês acaba de criar um Centro de Estudos, Pesquisa e Extensão da Linguagem (CEPELI). Esta é a quarta unidade do CEPELI no Instituto – já haviam sido criados os centros de Bacabal, Monte Castelo e Caxias. O objetivo é fomentar a criação de espaços de ensino e aprendizagem de línguas, de pesquisa, de formação profissional e de extensão.

Para marcar a abertura de mais um CEPELI, a Diretoria de Relações Internacionais (DIRI) da Pró-Reitoria de Extensão (PROEXT) realizou uma série de atividades no campus nos dias 3 e 4 de outubro.

A programação começou na tarde da última segunda-feira (3), com a pré-estreia do documentário francês “Ponteiras: Pontes e Fronteiras”, que foi realizado durante a visita dos autores ao Maranhão em 2019. Na ocasião, eles participaram de uma mesa-redonda no IFMA sobre o uso dos pronomes “tu” e “vous” em francês. Com foco nos caminhos e possibilidades de integração intercultural, o documentário apresenta o depoimento de cinco brasileiros que decidiram se instalar na França. Após a exibição, houve um bate papo com os autores do filme por videoconferência.

Já na terça-feira (4), o diretor de Relações Internacionais do IFMA, professor Vilton Soares, conversou com os professores de línguas do Campus Santa Inês. Ele apresentou as oportunidades de internacionalização – como acordos de cooperação internacional e ofertas de editais. Os docentes dialogaram com o gestor sobre o processo ensino-aprendizagem de línguas.

A programação também incluiu a exibição de curtas-metragens com a temática do Outubro Rosa, campanha de sensibilização para a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama. A atividade foi coordenada pela assistente de Francês do IFMA, Mathilde Conan, que promoveu ainda um debate sobre vários temas relacionados à mulher.

Fim do conteúdo da página