Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Apresentação de orquestra marca encerramento do ano letivo
Início do conteúdo da página Notícias

Apresentação de orquestra marca encerramento do ano letivo

Orquestra Figuras Harmônicas e alunos do Campus Santa Inês encantaram o público por meio da arte musical.
  • Assessoria de Comunicação, com informações do campus
  • publicado 30/12/2019 10h46
  • última modificação 30/12/2019 10h46

Arte, música e teatro já fazem parte do Campus Santa Inês, sempre envolvido com projetos culturais. O encerramento do ano letivo de 2019 não poderia ter sido diferente. Alunos, pais, professores, servidores e técnicos puderam assistir, no dia 19 de dezembro, à belíssima apresentação da Orquestra Figuras Harmônicas, do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) Campus São Luís Monte Castelo. No horário da manhã e pela tarde, no auditório do Campus, os alunos se apresentaram, levando ao público canções adoráveis e para todas as idades. Os alunos que integram o projeto de música do Campus Santa Inês também se apresentaram e, juntos, se divertiram e encantaram a todos os presentes.

 

Sobre a Orquestra Figuras Harmônicas

A orquestra é um projeto de extensão do Campus Monte Castelo, sob a coordenação do professor de Arte e Música Salviano Abreu. Iniciado no dia 04 de abril de 2016, o projeto acolheu alunos com intuito de fazer releituras, roupagens novas e arranjos da Música Popular Brasileira, uma maneira de mostrar aos jovens um pouco desse estilo musical que poucos conhecem.

Inicialmente, o grupo apresentava pequenos musicais, mas percebeu-se a necessidade de levar a iniciativa para além da turma e envolver mais alunos. Foi aí que começaram a fazer inovações musicais, testes e seleções até formarem a orquestra. O coordenador aponta que a ideia surgiu, também, da necessidade de ajudar o desenvolvimento dos alunos, como aumentar o coeficiente de rendimento deles, aumentar a frequência e reorganizar uma rotina de estudos melhor.

O projeto é integrado por 42 alunos e, para eles, a recompensa, além de melhorar o desempenho em sala de aula, é poder visitar outros lugares e mostrar a arte por meio da música. Os aplausos que recebem e o pedido de “bis” ao final da apresentação os incentivam e mostram que o trabalho está sendo reconhecido.

Fim do conteúdo da página