Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
  • Acessibilidade
  • Alto Contraste
  • Mapa do Site
  • PortugueseEnglishSpanishChinese (Simplified)FrenchGermanItalian
Página Inicial > Notícias > Projeto chama atenção para preservação do patrimônio público
Início do conteúdo da página Notícias

Projeto chama atenção para preservação do patrimônio público

Objetivo é despertar os alunos do ensino médio e superior do Campus Santa Inês para o cuidado com o bem escolar
  • Assessoria de Comunicação
  • publicado 02/04/2019 17h31
  • última modificação 02/04/2019 17h31

Por meio de palestras, estudantes recebem orientações sobre cuidado com o patrimônio escolar. 

Com o objetivo de sensibilizar os alunos do ensino médio e superior do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) sobre a importância da conservação do patrimônio público e escolar, o Campus Santa Inês desenvolve o projeto “Nosso Patrimônio, Nossa Responsabilidade”. A iniciativa, dos estudantes do Curso de Bacharelado em Administração, busca despertar a consciência e o senso de cuidado com o bem público por meio de palestras e outras atividades.

O projeto foi apresentado no campus na segunda-feira (1º). Os alunos receberam instruções e recomendações para o bom uso e preservação de carteiras, lousas, projetores, paredes, bebedouros e banheiros, veículos e outros móveis e equipamentos do campus. A intenção é transformá-los em agentes cuidadores e multiplicadores da proposta.

Segundo os coordenadores do projeto, trazer à discussão a falta de cuidado com o bem público, problema recorrente no dia a dia de algumas instituições públicas de ensino, é um dos modos de conscientizar os alunos sobre a questão, levando a mudanças de comportamento. São apresentados aos estudantes alguns sinais da falta de cuidados ocasionados pelo mau uso dos bens, estimulando-os a entender como o descaso pode ser prejudicial para a comunidade escolar.

Um dos palestrantes do evento de apresentação do projeto, Raimundo do Carmo Mendes, relatou como é possível despertar o senso de responsabilidade dos estudantes, fazendo-os entender que devem cuidar daquilo que lhes pertence. “É interessante ver o quanto um tema que parece tão comum no nosso dia a dia, quando trazido para uma discussão com os alunos, eles conseguem identificar sua importância e o quanto às vezes são negligentes com a conservação do bem público, mas ao mesmo tempo conseguem vislumbrar a diferença de se ter uma instituição de ensino bem cuidada, com os bens preservados e limpa”, disse.

São membros do projeto: Ana Letícia Saldanha Fontes, Ayrton Senna das Chagas Compasso, Bruno Italo Pereira da Silva, Gislene Costa Gomes, Gustavo de Oliveira Ribeiro, Eduardo Mateus Valentinho Silva, José Roberto Ribeiro Lima Júnior, Joselane Araújo Teixeira, Luciana Torres da Silva, Ludmila Correia Cruz, Maria Milena da Silva Gama, Naiara Cristina Gonçalves Moraes, Patricia Fernanda Silva Bastos, Raimundo do Carmo Mendes, Rennatha Maria Vieira Costa Ferreira, Romario dos Santos Soares, Romário Silva de Sousa, Vanessa da Silva do Nascimento, Vanessa da Silva Oliveira, Tiago Ivan Matos Ribeiro, Wesley Marks Sousa Vitaliano.

registrado em:
Fim do conteúdo da página